ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Hugo Calderano: o futuro do tênis de mesa brasileiro

por Guilherme Henrique | gui.h95@hotmail.com | edição de Ulisses Miranda | ulisses_mr17@hotmail.com

(Foto: Divulgação)

Hugo Marinho Borges Calderano nasceu na cidade do Rio de Janeiro, em 22 de junho de 1996. Desde cedo gostava de um esporte que não é muito conhecido e tampouco aclamado pelos brasileiros: o tênis de mesa, ou, como é conhecido informalmente, pingue-pongue. O gosto pelo esporte veio do seu pai, Marcos Calderano, e os dois sempre brincavam e faziam disputas entre si.

Calderano começou a estudar com quatro anos de idade, no colégio Santo Inácio, situado na capital carioca, porque seu pai já trabalhava naquela instituição. Ele participava de outros esportes na escola, tais como atletismo e vôlei. Aos oito anos não encarava mais o pingue-pongue como um hobby: ele começou a treinar pra valer onde estudava.

Hugo Calderano durante a Olímpiada da Rio 2016 (Foto: Juan Mabromata / AFP)

Hugo Calderano durante a Olímpiada da Rio 2016 (Foto: Juan Mabromata / AFP)

Quando fez 13 anos, chegou à categoria infantil e teve que escolher entre os três esportes que participava: atletismo, vôlei ou tênis de mesa, porque a intensidade de treinos e a frequência de torneios exigiam dedicação maior. Escolheu o tênis de mesa pois acreditava ser a modalidade mais imune à pratica do doping. Segundo ele, o perigo era menor que nas outras duas modalidades, e se tivesse o uso, não faria tanta diferença no desempenho.

Calderano, desde cedo, teve uma trajetória de conquistas no tênis de mesa. Aos dez anos participou pela primeira vez do Campeonato Brasileiro e conquistou a medalha de bronze na categoria pré-mirim. Em 2008, participou da sua primeira competição internacional, o Latino-Americano Mirim, na Argentina. Lá, conquistou a medalha de bronze jogando duplas com Daniel Carvalho. No ano seguinte recebeu o Prêmio Brasil Olímpico como melhor atleta das Olimpíadas Escolares. Em 2010, foi pela primeira vez para a Europa para um período de competições e treinamentos na Academia Werner Schlager, na Áustria.

Aos 14 anos, Calderano teve que se mudar para São Caetano do Sul, em São Paulo, para ter melhores condições de treinamento. Seus pais ficaram no Rio, mas o jovem teve a companhia de seu avô. No ano de 2012, ele conseguiu a façanha de vencer, pela Seletiva do Campeonato Latino-Americano, o maior mesatenista brasileiro, Hugo Hoyama, dono de dez medalhas de ouro em Jogos Pan-Americanos. Ganhou por 3 sets a 2, sendo que no último salvou um match point com 9 a 10 desfavorável no placar e venceu por 13 a 11.

Em 2013, Calderano se tornou o mais jovem campeão de uma etapa do Circuito Mundial Adulto da Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF, na sigla em inglês), ao vencer a competição realizada em Santos, no Brasil. Aos 17 anos mudou-se para a Alemanha, onde passou a defender a equipe de Ochsenhausen, na primeira divisão da Bundesliga, em que atua até hoje. No mesmo ano Calderano fez história conquistando a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos da Juventude, realizado em Nanquim, na China. Foi a primeira medalha do tênis de mesa brasileiro em uma competição olímpica. Em 2015, ele se tornou o mais jovem campeão de Pan-Americano de tênis de mesa e garantiu a classificação para os Jogos Olímpicos Rio 2016.

Hugo ocupa a trigésima colocação no ranking mundial (Foto: Reauters)

Hugo Calderano ocupa a trigésima colocação no ranking mundial (Foto: Reuters)

A vida pessoal de Calderano é bem simples: seus hobbies são brincar com o cubo mágico, ir ao cinema e praticar esportes. Seu ídolo no esporte é o tenista suíço Roger Federer. Seus gostos musicais são Pop e Rock. Não tem filme favorito. Adora comer sushi. Completou o ensino médio. Seus objetivos profissionais são conquistar uma medalha olímpica na categoria adulta e ser um dos cinco melhores mesatenistas do mundo. Seu ponto forte é o controle mental e foco. Atualmente Hugo Calderano é o trigésimo primeiro colocado no ranking mundial e no ranking sub-21 é o segundo colocado, de acordo com os dados da Federação Internacional de Tênis de Mesa.

FONTES CONSULTADAS:

WIKIPÉDIA. Hugo Calderano. Disponível em: pt.wikipedia.org/wiki/Hugo_Calderano. Acesso em: 10 out. 2016.

COMITÊ OLÍMPICO BRASILEIRO. Hugo Calderano.  Disponível em: www.cob.org.br/pt/atletas/hugo-marinho-borges-calderano. Acesso em: 10 out. 2016.

AHE! RIO. Hugo Calderano vence Hugo Hoyama pela primeira vez. Disponível em: www.ahebrasil.com.br/noticias/2011/12/10/tenis-de-mesa/hugo+calderano+vence+hugo+hoyama+pela+primeira+vez.html. Acesso em: 10 out. 2016.

GLOBOESPORTE.COM. Calderano faz história e coloca Brasil no topo do mundo pela primeira vez. Disponível em: www.globoesporte.globo.com/esporte-estudantil/noticia/2012/04/calderano-faz-historia-e-coloca-brasil-no-topo-do-mundo-pela-primeira-vez.html. Acesso em: 10 out. 2016.

GLOBOPLAY. Conheça a história do mesatenista Hugo Calderano. Disponível em: globoplay.globo.com/v/5116477/. Acesso em 10 out. 2016.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: