ÚLTIMAS NOTÍCIAS

A ascensão de uma estrela: Katie Ledecky, o novo fenômeno das piscinas

por Daniela Ruschel | dani.quintt@gmail.com | edição de Ulisses Miranda

(Foto: Divulgação)

Kathleen Genevieve Ledecky, ou Katie Ledecky, apesar dos seus 19 anos, já carrega consigo 13 recordes mundiais e o “rótulo” de “sucessora” de Michael Phelps. Katie, uma garota católica nascida em Washington, no dia 17 de março de 1997, é filha de Mary Gen e David Ledecky. Começou a nadar aos seis anos por influência do seu irmão mais velho, Michael, de sua mãe, ex-nadadora da Universidade do Novo México, e de seu avô paterno. Katie começou quebrando recordes dentro do seu próprio colégio, o Stone Ridge School of the Sacred Heart, uma escola católica só para garotas.

Katie conquistou os olhos do mundo inteiro com sua performance nas piscinas (Foto: The New York Times)

Em 2012 ela passou o verão em treinamento com Yuri Suguiyama no clube Curl Burke Swim Club. Ganhou o seu primeiro ouro em sua carreira internacional nas Olimpíadas de Londres, nos 800m livre, com apenas 15 anos de idade. No ano de 2013, a carreira internacional de Katie ficou ainda mais reconhecida durante o Mundial de Barcelona, quando ela ganhou cinco medalhas e bateu dois recordes. Nessa temporada ela foi escolhida Nadadora do Ano pela Swimming World Magazine e Melhor Nadadora Feminina pela revista FINA Aquatics World.

Durante o Pan Pacífico de natação, na Gold Coast Austrália, Katie foi a primeira mulher desde Janet Evans a dominar três recordes mundiais simultaneamente. Voltou para casa com cinco medalhas de ouro e o destaque como nadadora feminina de mais importância no evento.
Embarcou para Kazan, na Rússia, para a disputa do Mundial de Esportes Aquáticos. Lá, novamente, se tornou destaque com cinco medalhas de ouro e três novos recordes.

Seu primeiro grande evento, em 2016, foram os Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, quando levou para a casa cinco medalhas de ouro e uma de prata – igualando o fenômeno da natação masculina, o também norte-americano Michael Phelps. Além do prestígio mundial, a atleta ganhou uma bolsa na Universidade de Stanford, onde vai nadar com o treinador Greg Meehan e começar seus estudos na primavera de 2016. Com a aposentadoria do antigo ídolo americano, Phelps, nasce, agora, uma nova estrela das piscinas, chamada Katie Ledecky.

FONTES CONSULTADAS:

ALVES, Marcelo e AMATO, Gian. Katie Ledecky, dos EUA, bate recorde na classificatória dos 400m. Disponível em: http://oglobo.globo.com/esportes/natacao-katie-ledecky-dos-eua-bate-recorde-na-classificatoria-dos-400m-19873107#ixzz4PzUl2lhv. Acesso em: 10 de Out. 2016.

FLOOD, George. Swimming phenomenon Katie Ledecky primed to continue her success at Rio 2016 Olympics. Disponível em:  http://www.ibtimes.co.uk/swimming-phenomenon-katie-ledecky-primed-continue-her-success-rio-2016-olympics-1570858. Acesso em: 11 de Out. 2016

BUCHANAN, Larry e QUEALY, Kevin. Katie Ledecky and theEternity of 11 Seconds. Disponível em: http://www.nytimes.com/interactive/2016/08/12/sports/olympics/katie-ledecky-winning-swims.html?_r=0. Acesso em: 11 de Out. 2016.

Deixe um comentário