ÚLTIMAS NOTÍCIAS

JAB: um golpe de solidariedade de um ex-boxeador

por Marcella Schaurich | marcella.schaurich@gmail.com

José Lima, 33 anos, era uma promessa do boxe brasileiro, em 2002, quando sofreu um acidente de moto. No acidente, acabou lesionando o braço. Passou por uma cirurgia e, logo depois, percebeu que havia sido vítima de um erro médico. Perdeu o movimento do membro superior esquerdo e se deu conta de que estaria fora dos ringues. Para não sair totalmente do esporte, Zé parou a faculdade de Desenho Industrial e iniciou os estudos em Educação Física. Hoje ele trabalha como treinador de boxe em academias de Porto Alegre e região Metropolitana, além de ter um projeto social no qual ensina jovens adolescentes.

Arquivo Pessoal

Projeto JAB tem como objetivo ensinar o boxe para crianças e jovens do bairro Salomé, em Alvorada

Projeto social ajudou a superar a dor 

Em novembro de 2011, José Lima resolveu criar o projeto JAB, que acontece em uma creche abandonada no bairro Salomé, em Alvorada. O nome foi escolhido por ele por causa do golpe mais comum do boxe. “O nome significa Jovens Atletas do Boxe. A sigla JAB é relacionada ao primeiro soco que se aprende no boxe. Achei que tinha tudo a ver com o projeto”, explica Lima. As aulas acontecem três vezes por semana, com duração de duas horas por dia, e são ministradas por ele próprio que conta com a ajuda de uma assistente, Cláudia Azevedo. Os adolescentes devem ter de 12 a 18 anos e não têm nenhum gasto com as aulas. A única exigência imposta é frequentar a escola. Os jovens aprendem boxe e também tem a possibilidade de entrar em competições. Com essa atitude de solidariedade, Zé acaba ajudando muitas crianças a não ficarem nas ruas e, consequentemente, não estarem vulneráveis às drogas. “Eu ajudo eles, mas eles me confortam muito. Já que estou afastado dos ringues, de certa maneira eles lutam por mim”, salienta Lima.

Arquivo Pessoal

Idealizador do projeto social, José Lima era uma promessa do boxe brasileiro quando sofreu um acidente de moto, perdeu os movimentos do braço esquerdo e foi obrigado a se afastar dos ringues

Sede dos treinamentos passa por reformas

A sede do projeto JAB está sendo reformada e ainda não tem previsão para a conclusão. Com isso, os treinos passaram a acontecer no centro de treinamento da Team Nogueira, em Porto Alegre, o que acaba fazendo com que alguns alunos não possam estar presentes, pois precisam pagar o transporte para chegar até a academia e muitas vezes eles não têm esse dinheiro. Por outro lado, é uma experiência única para esses jovens. A Team Nogueira conta com uma infraestrutura de alta qualidade, diferente do espaço em que eles estão acostumados a treinar. Para Zé, o projeto tem um grande significado. “A gurizada é tudo pra mim. Eles são tudo de bom porque eles gostam, eles lutam. Eles estão meio parados hoje por causa da troca, pois falta passagem, faltam algumas coisas”, ressalta Lima.

Para motivar os jovens a continuarem praticando a luta, José Lima começou um novo programa, em que atletas e alunos do Projeto JAB e da Equipe José Lima participam como sparrings do time Team Nogueira, ajudando os boxeadores no treinamento. A proposta é fazer com que os jovens possam treinar e, ao mesmo tempo, se divertir.

Deixe um comentário