ÚLTIMAS NOTÍCIAS

O salto na vida de Thiago Braz

por Taina Silva | silvaftaina@hotmail.com | edição de Débora Ramos | debora.indcris@hotmail.com

Thiago Braz realizando o salto da vitória (Foto: Gonzalo Fuentes/Reuters)

O ganhador de sete medalhas de ouro, duas de prata e 1 de bronze, Thiago Braz da Silva, 22 anos, sempre esteve distante da mídia, até a chegada dos Jogos Olímpicos do Rio 2016. Nascido em Marília, São Paulo, ele tentou praticar basquete, mas não tinha talento para o esporte, então, incentivado pelo tio e ex-atleta, Fabiano Braz, começou a treinar salto com vara aos 14 anos pelo Clube de Bancários de Marília antes de se transferir para Bragança Paulista. Na história do salto com vara, ninguém na América do Sul saltou mais alto do que Thiago Braz.

Criado pelos avós paternos desde os 2 anos de idade, o terceiro-sargento da Aeronáutica foi medalha de bronze do Campeonato Sul-Americano Juvenil, em 2009, na sua primeira competição internacional, ano em que também foi campeão brasileiro juvenil. Em seguida passou a treinar no Clube de Atletismo BM&FBOVESPA, tendo como técnico o marido de Fabiana Murer, Élson Miranda de Souza.

Desde 2014, Thiago mora em Fórmia, na Itália, em um centro de treinamentos de alto nível, onde foi treinado pelo técnico ucraniano Vitaly Petrov para as Olimpíadas do Rio 2016, que também foi mentor dos recordistas mundiais Sergey Bubka e Yelena Isinbayeva. Quando suas marcas começaram a sobressair, Thiago sofreu uma lesão no punho esquerdo, que precisou de cirurgia durante sua performance na Europa.

Também em 2014, casou-se com Ana Paula Oliveira que, assim como Thiago, é atleta e representa o Brasil nas provas de salto em altura.

Antes de se mudar para Itália, Braz precisou de ajuda para se estabilizar, então contou com o apoio da atleta brasileira de Fabiana Murer, a qual é grato até hoje.

Rio 2016
O atleta Thiago Braz da Silva levou o ouro no salto com vara com 6m03, seguido pelo francês Renaud Lavillenie, que marcou 5m98 obtendo assim a medalha de prata, logo após, com o bronze, o estadunidense Sam Kendricks com 5m85. A prova ocorreu no dia 15 de agosto no Estádio Olímpico (Engenhão).

Atleta exibe seu recorde olímpico (divulgação Rio 2016)

Atleta exibe seu recorde olímpico (Foto: Divulgação)

Lavillenie já havia se referido a Thiago como talentoso, mas inconstante, sempre com altos e baixos, e suscetível a pressões nas grandes competições. Porém Braz trabalhou não só fisicamente como mentalmente para os Jogos Olímpicos e provou para o francês que é capaz de conquistar a vitória.

Vaiado pela torcida brasileira, Renaud disse que não conseguiu se concentrar na prova e por isso perdeu o lugar mais alto do pódio para o brasileiro.

Hobbies
Apaixonado por aviõezinhos, Braz gastou o seu primeiro prêmio, 20 mil reais, com seus aeromodelos, logo que se mudou para a Itália.

Quando está visitando o Brasil, sua atividade favorita com os avós é a pesca, que também serve como terapia e relaxamento.

FONTES CONSULTADAS:

SPORTV. Ouro no salto com vara, Thiago Braz se surpreende com marca: “Foi alto, cara” Disponível em: http://sportv.globo.com/site/programas/rio-2016/noticia/2016/08/ouro-no-salto-com-vara-thiago-braz-se-surpreende-com-marca-foi-alto-cara.html. Acesso em 9 de out. 2016.

KESTELMAN Amanda e REBELLO Helena. Da dor do abandono à luta mental por medalha: conheça Thiago Braz Disponível em: http://globoesporte.globo.com/olimpiadas/atletismo/noticia/2016/08/da-dor-do-abandono-luta-mental-por-medalha-conheca-thiago-braz.html

ÉPOCA. Com apenas 22 anos, Thiago Braz realizou um sonho de criança para buscar o ouro olímpico na Rio 2016 Disponível em: http://epoca.globo.com/tudo-sobre/noticia/2016/08/thiago-braz.html

KESTELMAN Amanda, MOTA Cahê e REBELLO Helena. É ouro! Thiago Braz se reinventa no Rio e troca pressão por topo do pódio Disponível em: http://globoesporte.globo.com/olimpiadas/atletismo/noticia/2016/08/e-ouro-thiago-braz-se-reinventa-no-rio-e-troca-pressao-por-topo-do-podio.html

Deixe um comentário